Aspomires promove café em Baixo Guandu
8 agosto 2017

Aspomires promove café em Baixo Guandu

Aspomires promove café em Baixo Guandu

No último dia 27 de julho, a Diretoria da Aspomires esteve presente na sede da 2ª Cia/8º BPM em Baixo Guandu, onde ofereceu um café da manhã. O objetivo foi apresentar a instituição para militares e associados da região. A entidade esteve representada pelo presidente Cap Raimundo, o vice-presidente, Cap Juscelio, diretor de Pessoal, Sgt João Batista, diretor jurídico, Cel Edmilson, o diretor de Relações Públicas, Cel Carlos Henrique, o representante de Colatina, Sgt Geraldo, e a funcionária da Diretoria de Interior.

O diretor de Relações Públicas, Cel Carlos Henrique, abriu o evento apresentando a diretoria aos convidados e ressaltou a principal função da Aspomires. “Somos uma associação sem fins lucrativos, às vezes atuamos na retaguarda, mas sempre defendo a família militar capixaba, sobretudo neste último episódio que envolveu a PMES, com o movimento dos familiares de policiais militares”, apontou o diretor.

O presidente Cap Raimundo expôs que a atuação da instituição vai muito além de concessão de empréstimo. “Independente de ser associado ou não, a Aspomires está atuando em prol da valorização da farda”, destacou o presidente. Para o presidente, a união é fundamental para que o militar capixaba seja valorizado. “Tenho participado de várias reuniões com o governo do Estado, lutando pelos interesses dos militares. Somos formadores de opinião e, hoje, estamos sofrendo uma pressão muito grande, mas vamos dar a volta por cima. A Aspomires tem conquistado espaço e vamos continuar lutando”, garantiu Cap Raimundo.

O diretor jurídico, Cel Edmilson, apontou que a Aspomires tem investido para garantir o melhor atendimento aos associados. “Hoje, contamos com 42 escritórios de advocacia em todo o estado. Inicialmente, focaram na concessão de empréstimos. Na gestão passada, foi criada a diretoria jurídica e, esta diretoria criou a pasta de ação social”, ressaltou Cel Edmilson. E complementou: “Além disto, a Aspomires possui 12 representações que levam a instituição para perto dos capixabas. Os representantes devem rodar todas as unidades de sua jurisdição para levantar as demandas dos associados”.

De acordo com o comandante da 2ª Cia do 8º Batalhão, Cap Wagner Bastista, a presença da instituição na unidade é fundamental. “Tivemos a felicidade de receber a Aspomires, quando pudemos conhecer mais sobre a gama de serviços prestados aos associados e não associados. Este apoio é de extrema importância. A entidade vem fazendo um belo trabalho”, apontou o comandante. E complementou: “Temos observado a Aspomires se deslocando até o associado. Estamos localizados quase na divisa com Minas Gerais e a sede da administração fica em Vitória, mas a entidade traz os serviços até o associado. Temos escritórios de advogados da associação aqui em Baixo Guandu, o que facilita muito”.