22 outubro 2015

Confraternização de Nova Venécia confirma parceria e compromisso

 

Em um ambiente de alegria e integração, os associados da Representação de Nova Venécia lotaram a confraternização realizada na cidade, encerrando a programação de encontros realizados durante o ano no estado em comemoração ao cinquentenário das Aspomires. Depois de 18 anos à frente do cargo de presidente da entidade e comprometido com a continuidade dos avanços da gestão, o capitão PM Ref  Nailson Pedro Tolentino anunciou seu nome para vice-presidente, nas próximas eleições da associação, apoiando como presidente o coronel BM Ref Carlindo Tristão Charpinel, atual vice-presidente.

Em seu discurso de acolhimento, o capitão Nailson anunciou o apoio ao seu companheiro de gestão com quem há anos compartilha os desafios e conquistas da Aspomires.  “Como hoje é o último almoço, eu deixei para lançar neste dia a candidatura para o ano que vem. O nosso mandato vai terminar em março de 2016. Eu apresento para a eleição do próximo ano o nome do coronel Charpinel para ser o meu presidente e eu vou ser o vice-presidente dele na chapa. Vamos continuar juntos porque o nosso trabalho tem que ter continuação”, afirma o presidente.

O capitão destaca a honestidade como um dos valores da atual administração e aponta os resultados da gestão. “Quem viu a associação, em 1998, zerada, vê hoje uma entidade com um patrimônio acima de R$ 40 milhões. Isto não é para qualquer associação. Eu fico muito agradecido a todos que nos apoiaram e vamos seguir em frente para o ano que vem. Conto com a colaboração de todos vocês para que a gente dê continuidade ao nosso trabalho que é muito bom”, declara o capitão Nailson.

Continuidade – O coronel Charpinel, que atualmente também é diretor de Pessoal da associação, agradeceu o apoio a sua candidatura como presidente e apresentou os principais destaques da gestão compartilhada com o capitão Nailson ao longo dos últimos anos. “Há oito anos estamos juntos tentando implantar uma nova associação, uma nova visão de futuro, com expansão. O grande motivo que nos trouxe a implantar todo este sistema é a dignidade do nosso associado”.

Charpinel destacou a obra de ampliação e reforma da atual sede, que possibilitou ao associado maior conforto e respeito em seu atendimento, e chamou a atenção para a criação e o fortalecimento das representações em todo o estado, aproximando a instituição dos policiais e bombeiros da ativa e reserva e de seus familiares no interior do Espírito Santo. Ele destacou ainda a criação do Cerimonial Aspomires, o centro de eventos sociais e corporativos da entidade, cuja renda será revertida para as ações sociais, conforme definição no Planejamento Estratégico.

“A partir do ano que vem, teremos a implantação da Diretoria de Ação Social. Hoje, a associação arrecada do cerimonial os valores necessários para que possamos atender às necessidades sociais do associado. Somente neste ano, arrecadamos R$ 248 mil com a realização de eventos no Cerimonial Aspomires. Nós temos levado muito a sério a nossa associação”, destaca o coronel.

Segundo o vice-presidente, as confraternizações regionalizadas entraram no calendário anual de eventos e, a partir do próximo ano, contarão ainda mais com a participação do associado dando sugestões de melhorias para os encontros.

Ao todo foram realizadas nove confraternizações em regiões de todo o território capixaba. O primeiro encontro reuniu os associados da Região Metropolitana, no dia 04 de abril, na sede da entidade, em Vitória. Em seguida, no dia 30 de maio, foi a vez dos associados da região de Colatina festejarem os 50 anos da instituição. Depois as confraternizações aconteceram em Cachoeiro de Itapemirim (13/06), Marataízes (27/06), São Mateus (11/07), Linhares (25/07), Venda Nova do Imigrante (11/08) e Alegre (12/09).

“Como diretor do interior, estamos juntamente com o coronel Charpinel e toda a equipe das representações programando estes eventos. Foi um grande sucesso! A Aspomires está de parabéns. Foi um evento muito grandioso. Pela primeira vez a associação vem ao interior fazer o evento. Foi uma experiência muito gratificante encontrar os associados do interior. Espero que no próximo ano continuemos com este trabalho”, ressalta o coronel PM RR Adilson Silva Tolentino.

Reconhecimento – Quem participou do evento ao lado da esposa e das filhas foi o soldado Luciano Márcio. Para o militar, a decisão de descentralizar a administração através das representações promove a interação e aproxima os associados de seus direitos. “Isto é muito importante porque o associado vê a contribuição dele sendo retornada com menos burocracia. A grandeza da Aspomires nos alegra. A condução do trabalho da diretoria pra nós é importante e fico muito honrado de fazer parte deste quadro de associados”, destaca Luciano.

O soldado ressaltou a credibilidade e a preocupação com o social como principais diferenciais do trabalho da atual administração. “Muitas vezes, o Estado de certa forma é omisso em apoiar o seu braço armado, o seu auxiliar direto do estado, que somos nós militares. Quando o Estado deixa de dar isso, a Aspomires chega pra ocupar este espaço e dizer para o militar: estamos aqui, você não está desemparado”, avalia.

O evento contou com a participação de associados vindos de Barra de São Francisco. Um deles é o sargento aposentado Valdir Batista de Alfredo, o primeiro representante da associação no município. Empolgado com as conquistas da entidade, ele comemorou os avanços. “Se não houver união não há progresso e a associação progrediu com a união. Cresceu muito e mudou para bom. É uma dinâmica que não para”, destaca o associado.

Fotos: Fabio Machado