16 dezembro 2012

Associados recebem cartilha do Planejamento Estratégico

 

Além da ampliação e reforma da nova sede, a Aspomires inaugurou uma nova gestão estratégica em 2012. A instituição escolheu o planejamento como instrumento para avaliar o trabalho, redefinir objetivos e organizar as ações visando melhorar a assistência prestada aos associados. O resultado foi o estudo e a elaboração do Planejamento Estratégico com ações para o período de 2012 a 2016.

O documento representa o alinhamento de propostas e anseios apresentados por diretores, conselheiros, funcionários e associados em reuniões, debates e pesquisas. Para divulgar cada passo do projeto, a associação editou uma cartilha em linguagem simples e visual moderno e atraente.

A publicação foi apresentada e entregue aos convidados durante a confraternização de natal, no sábado (15/12), na sede da instituição. O projeto editorial é da jornalista Simony Leite Siqueira, o projeto gráfico e a diagramação do publicitário Paulo Arrivabene e fotos de Fábio Machado. A coordenação de publicação é do diretor de Relações Públicas e Ação Social, Cel PM Ref José Maria Leite.

Com 44 páginas, a cartilha apresenta em forma de linha do tempo o histórico dos principais acontecimentos vividos pela entidade ao longo dos 47 anos de existência. A publicação ainda destaca a importância de planejar, o que é um planejamento estratégico e como foi construído o plano. O documento reforça quais são os conceitos de Visão, Missão e Valores da instituição.

O leitor também pode acompanhar o Mapa Estratégico, uma espécie de gráfico com a descrição do caminho, dos objetivos e das áreas para a realização das ações estratégicas, tendo como orientação a visão e a missão da instituição. Quem acessar a publicação poderá conhecer detalhadamente quais objetivos estratégicos e quais ações serão desenvolvidas, dentro das perspectivas do associado, da gestão de pessoas e do financeiro e dentro da expectativa dos processos administrativos internos.

“O Planejamento Estratégico representa o pensamento da entidade e abriga todos os ideais para o desenvolvimento da associação com direção ao futuro. Nossa instituição precisa ser vista como empresa do terceiro setor, cuja missão é assegurar e defender o exercício dos direitos sociais individuais e coletivos de seus associados”, ressalta o coordenador do Planejamento Estratégico, Cel PM RR Adilson Silva Tolentino, que orientou o processo de elaboração da cartilha.