CHS do Corpo de Bombeiros Militar no Cerimonial Aspomires
11 março 2017

CHS do Corpo de Bombeiros Militar no Cerimonial Aspomires

O Cerimonial Aspomires foi cenário de mais um evento do CBMES. Nesta quinta (09), foi a vez do lançamento do Curso de Habilitação de Sargentos (CHS).  A aula inaugural contou com a presença do comandante geral da Corporação, Cel Carlos Marcelo D’Isep, do chefe do Centro de Ensino e Instrução de Bombeiros (CEIB), Ten Cel BM Washington, de comandantes de batalhões, de representantes da ABMES, e do presidente da Aspomires, Cap Raimundo.

De acordo com a CBMES, o CHS é resultado da aprovação da Lei Complementar Nº 321, de 17 de maio de 2005 e da Lei Complementar nº 467, de 05 de dezembro de 2008, que criou o Plano de Carreira das Praças. Ao todo 92 cabos foram selecionados para compor a turma. Segundo levantamento, todos os discentes tem mais de 10 anos de serviço e estão na função de cabo há 3 anos e meio.

O curso será realizado nas dependências do CEIB e a previsão é de que as aulas tenham início no próximo dia 20. Segundo o Ten Cel Washington, o CHS terá duração de 212 horas e vai abranger matérias operacionais e administrativas como gestão de combate a incêndio estrutural, incêndio florestal, salvamento em altura e terrestre, atendimento pré-hospitalar. “Ao término das aulas, haverá uma avaliação a partir da qual os alunos serão classificados. Este resultado será o critério de meritocracia para a escolha do local de trabalho do futuro sargento. Os primeiros colocados terão a chance de escolher e os últimos serão distribuídos entre as vagas disponíveis”, explica o chefe do CEIB.

O comandante geral do CBMES, Cel D’Isep, destacou a dificuldade orçamentária da Corporação e o esforço para a realização do curso. “Estamos fazendo tudo dentro do possível, elegendo prioridades e estabelecendo metas reais. Toda a Corporação irá se dedicar e contribuir para que estes 92 alunos possam estudar”, apontou Cel D’Isep. E finalizou: “Cada aluno precisa sugar o máximo dos instrutores. A palavra de ordem deste curso é estudar! Minha expectativa é de que retornem para a tropa munidos de todo conhecimento e responsabilidade que a função de sargento exige”.

O aluno Cb BM Schubert demonstrou boas expectativas com relação ao curso. “O tempo é curto, mas tenho certeza que os instrutores vão se dedicar para transmitir os conhecimentos necessários para que possamos exercer a função de sargento”, analisa o aluno. E garante: “Vou me comprometer ao máximo, estudar muito, mesmo porque o comandante deixou claro o critério para as transferências. Para quem mora na Grande Vitória, tem que se empenhar bastante para não precisar sair daqui”.

O presidente da Aspomires, Cap Raimundo, também deixou a mensagem para os alunos. “Estamos muito felizes em receber estes 92 alunos, pois sabemos da importância deste curso de habilitação. Um dia também estive sentado nesta mesma cadeira e estava vibrando, porque a caminhada é muito difícil. Quantos não gostariam de estar no lugar destes discentes, ansiosos pelas instruções, com o pensamento na carreira”, comentou Cap Raimundo. E destacou: “Temos que ter consciência da dificuldade financeira em que a Corporação está passando. Está sendo feito um sacrifício para garantir a promoção destes alunos. Estes discentes devem pensar no futuro e não se deixarem abater com o momento atual. Isto é passageiro, as instituições sobrevivem a todos estes contratempos, somos guerreiros. Cada um deve que cumprir esta missão que foi dada, concluir o curso e conquistar o devido espaço”.