3 abril 2013

Guardiãs do Fogo promovem integração de mulheres militares

 

Com o objetivo de promover maior integração e entrosamento, um grupo de bombeiras do Espírito Santo criou as Guardiãs do Fogo. A ideia de reunir as militares surgiu, em 2009, durante a programação do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 08 de março. A partir daí, elas perceberam a necessidade de organizar de forma permanente eventos e passeios onde pudessem se encontrar para fortalecer o vínculo de amizade e proporcionar novas experiências e aprendizados. Hoje, o grupo tem o apoio da Seção de Serviço Social do Corpo de Bombeiros.

As militares se reúnem para atividades diversas como palestras sobre saúde feminina e economia doméstica; lazer esportivo; festas à fantasia, coquetéis dançantes; trilhas e passeios turísticos. Este ano, o grupo festejou o Dia Internacional da Mulher com uma viagem para Itaúnas, no norte do Espírito Santo. De acordo com a subtenente Gladys Leite, estes momentos ajudam a suavizar a rotina militar marcada pela rigidez, a disciplina e a hierarquia.

“O respeito aumenta à medida em que conhecemos um pouco mais da vida de cada uma, dentro e fora do quartel. Reconhecemos que existe uma “militar”, mas percebemos também que essa mesma Militar é mãe, irmã, filha querida, enfim, uma pessoa com vida extra-quartel”, explica Gladys. Segundo ela, o grupo tem alcançado muito mais que um momento ou um espaço para lazer e relaxamento, pois os encontros estimulam ainda mais a união, o respeito e satisfação das militares no dia a dia dentro da corporação.

Hoje, 48 bombeiras e policiais militares compõem as Guardiãs do Fogo.  Na avaliação da subtenente, a presença da mulher no ambiente militar, assim como nos demais espaços de trabalho, é fundamental. “Em todos os cantos que vejo a presença funcional de uma mulher penso logo em uma palavra: equilíbrio. Sem analisar a função específica que ela exerce, a mulher tem a capacidade de equilibrar, abrandar, de acalmar o ambiente e as situações em que ela atua”. Quem quiser obter mais informações sobre o grupo, basta enviar mensagem para o e-mail: sgtgladys@yahoo.com.br.

Foto: Arquivo das Guardiãs do Fogo