Aspomires participa da abertura do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos no ISP
10 dezembro 2016

Aspomires participa da abertura do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos no ISP

Aspomires participa da abertura do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos no ISP

Na manhã desta quarta (07), a PMES realizou a solenidade de abertura do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos – CAS/2016. O evento aconteceu no Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Pública (ISP), em Cariacica, e contou com a presença do comandante geral da PMES, Cel Marcos Antonio Souza do Nascimento, o diretor de Ensino, Instrução e Pesquisa da PMES, Cel Andrey Carlos Rodrigues, e a delegada de Polícia Civil, Arminda Rosa da Silva Rodrigues. A Aspomires prestigiou o evento com a participação do presidente Cap Raimundo e do assessor Cel Carlos Henrique Pereira França.

De acordo com as normas de conduta e aperfeiçoamento de ensino, o CAS contribui para a promoção a subtenente da polícia militar. O curso é destinado a ampliar os conhecimentos profissionais dos 1º sargentos, capacitando-os a desempenhar as funções subtenentes e de oficiais do Quadro Administrativo.

O CAS prevê uma carga horária de 390 horas/aula e será realizado, em período integral, no ISP. Ao todo, 120 sargentos estão matriculados. A estrutura curricular está alinhada à matriz do Senasp e conta com 19 disciplinas, e um ciclo de palestras de 20h/aula. As disciplinas estão divididas em quatro eixos: fundamentos da atividade policial, administrativa, operacional e disciplinas complementares. O corpo docente conta com professores militares e civis e a previsão é de que este curso finalize em março do próximo ano.

Para o comandante do ISP, Cel Márcio Celante Weolffel, este curso representa o início de mais uma etapa na vida profissional de cada um. “Este curso reflete a constante busca da Corporação pela excelência no ensino militar. O CAS é uma preparação para o exercício das funções de comando que a carreira proporciona. Assim, empenhamo-nos em promover um CAS com as melhores oportunidades para o desenvolvimento das competências, habilidades e atitudes necessárias aos sargentos”, destaca Cel Márcio Celante, e finaliza: “Nossa orientação é para que todos os discentes abracem de corpo e alma as atividades acadêmicas, não permitindo que fatores externos afetem este período tão especial, que reúne a consolidação de antigos conceitos e novos conhecimentos”.

Este curso funcionará sob o novo credenciamento da escola como Instituto Superior. Segundo o comandante, a unidade recebeu recursos para melhorias na estrutura. “Como parte deste processo, iniciamos um conjunto de obras nesta unidade, como a ampliação da biblioteca, construção de alojamentos e a reforma geral do prédio do comando, totalizando um investimento de mais de R$1,5 milhão”, adianta.