19 janeiro 2020

Novo tesoureiro busca o equilíbrio das contas da Aspomires

Conforme amplamente divulgado, com o afastamento do presidente e do tesoureiro para fins de apuração, o Cap BM Olimar Rosa da Silva está à frente da Tesouraria da Aspomires. Desde quando assumiu o cargo, Cap Silva estabeleceu metas para alcançar o equilíbrio financeiro da associação, que já foram colocadas em prática.

De acordo com o tesoureiro, a administração está focada, sobretudo, na economia, com corte de gastos, e na transparência nos atos e nas prestações de contas aos Conselhos e todos associados. “A primeira meta é, em 90 dias, colocar todos os auxílios pendentes em dia com os associados. A segunda meta é reduzir o déficit relacionado à inadimplência”, apontou Cap Silva.

Segundo a pasta, para garantir mais segurança aos processos de concessão de empréstimos, foi implementado um novo sistema gerencial, que permite emissão de boletos. “Temos também um serviço de call center que entra em contato com os inadimplentes, a fim de apresentar soluções vantajosas e diferenciadas para a quitação das dívidas”, explicou o tesoureiro. E complementou: “Além disso, desde dezembro, o associado está recebendo a mensagem pelo celular, convidando-o a renegociar a dívida”.

A Aspomires conta com uma tabela de descontos, que serve como referência para o refinanciamento do contrato. O sistema emite boleto bancário, que é enviado via e-mail junto com o novo contrato. “O associado não precisa se deslocar. O objetivo é facilitar o processo para que todos fiquem adimplentes. Para o público não digital, orientamos procurar a sede ou a representação mais próxima para conferir esta oportunidade”, destacou Cap Silva.

Cap Silva firmou um compromisso com a associação. “É uma gestão transparente. Minha sala está aberta a qualquer associado que quiser conferir as contas da Aspomires. Quanto mais transparência melhor”, garantiu o tesoureiro. E finalizou: “Nas prestações de contas em Assembleias Gerais, todos os extratos bancários da associação serão abertos, em tempo real, para análise de todo público presente, ao vivo e a cores”.