12 maio 2021

Polícia Militar celebra o “Dia da Arma de Cavalaria”

O Regimento de Polícia Montada (RPMont) teve esta semana momentos históricos que merecem mais uma vez dar relevância pelo ato. No último dia 11 foi celebrado nacionalmente o Dia da Arma de Cavalaria.

Mas, é preciso recordar que em 10 de maio de 1808 foi o ponto de partida para lembrarmos com louvor da história da cavalaria. Pois, neste dia nascia o Marechal Osórioum reconhecido ilustre militar que se tornou o patrono da cavalaria.  

 

 

 A “arma de heróis”, é um símbolo que ostentaram a lança entre os quais se destaca o Marechal Osório.

Em ato oficial para marcar esta data ocorreu a solenidade “Dia da Cavalaria” com participação de diversas autoridades militares dentre eles:  o subcomandante-geral, coronel Ronaldo Mutz; o comandante de Polícia Ostensiva Especializada, coronel Carlos Ney de Souza Pimenta; o ex-comandante do RPMont, coronel RR Carlos Henrique Pereira França; o atual comandante do RPMont, tenente-coronel Giuliano Menegatti; o major Leonardo de Castro Cavatti, representando a Secretaria de Justiça (SEJUS); o comandante do Cia Especializada de Polícia Escolar (CEPE), capitão Eliandro Claudino de Jesus; a presidente da Associação doa Amigos dos Autistas do Espírito Santo (Amaes) e convidados.

Desfile

O grupamento formado entoou a canção da cavalaria e realizou com garbo o desfile em continência a maior autoridade presente, representando o policiamento especializado, dotado de importantes características como a ostensividade, campo de visão, efeito psicológico, poder repressivo, mobilidade e flexibilidade.

O RPMont realizou na ocasião, a formatura do 1º curso de Equoterapia, em atendimento a lei n° 13.830, de 13/05/2019, que regulamenta  a prática de equoterapia no Brasil e estabelece a necessidade de capacitação específica para a atuação profissional na área.

A capacitação foi possível devido a um termo de cooperação firmado entre a PMES e a Amaes e teve como principal objetivo habilitar os operadores da prática de equoterapia e ampliar a quantidade de atendimentos com equipes multidisciplinares.  

1° Curso de Equoterapia

O 1° Curso de Equoterapia contou com a carga horária de 120 horas-aulas e formou 12 militares e 04 civis associados à Amaes, visando melhorar o atendimento oferecido gratuitamente há 25 anos no RPMont.

Na oportunidade, para consolidar a valorização do policial militar no cumprimento de suas missões institucionais e àquele que se destaca no exercício de suas atividades de policiamento ostensivo, aconteceu homenagem ao Destaque Operacional do 1º trimestre da Unidade Especializada: 3º sargento Renata Josielle Santana Souza.

Externando o reconhecimento e o agradecimento em nome do comandante-geral da PMES, o coronel Ronaldo Mutz, subcomandante-geral, parabenizou o a conclusão do curso e dedicação dos militares e civis formandos. Ele relembrou situações de ações coesas das tropas especializadas da PMES, como representatividade da lei e reestabelecimento da ordem pública. “A sociedade se socorre na Polícia Militar, mas nós também prestamos serviços altruístas, em busca do clima social de presteza, como projeto Equoterapia desenvolvido no RPMont, disse.”

O comandante de Polícia Ostensiva Especializada, coronel Carlos Ney de Souza Pimenta, iniciou emocionado sua fala ao relatar que em 1993 iniciou sua carreira militar no regimento montado da PMES. “ A Cavalaria atua nas mais diversas frentes e é de indispensável importância no policiamento do Espírito Santo”. Ele acrescentou que a Equotarapia é uma técnica reconhecida em mais de 20 países e que no estado esse projeto já recebeu o prêmio Inoves em quatro edições. Finalizando, o coronel Pimenta parabenizou os formandos e apontou: “vocês terão a grata responsabilidade de cuidar de tantas pessoas especiais com a visão holística de um cavalariano.”

Homenagem

Com satisfação o tenente-coronel Giuliano Menegatti, comandante do RPMont, agradeceu o empenho dos seus superior e dos amigos parceiros para a concretização desse projeto, que teve início em 1995, mas foi institucionalizado em 2020, através da Portaria 851-R. “ A Cavalaria é multifacetada e altruísta, pois ao mesmo tempo que somos força de repressão, também prestamos assistência social e nos preocupamos com o bem estar de todos ao nosso redor”, destacou em sua fala.

Reconhecendo sua equipe integrada, o tenente-coronel Menegatti congratulou a 3º sargento Josielle, destaque operacional de sua Unidade, e findou “Parabéns a todos os militares honrados de terra de Ortiz”

 

Com informações da Polícia Militar do Estado do Espírito Santo

 

 

 

Acesse o nosso site, diariamente com informações atualizadas: clique aqui, http://www.aspomires.com.br

Publicação da Diretoria de Relações Públicas – Aspomires

Cap PM RR Andréa de Oliveira Silva
Diretora de Relações Públicas